Beterraba – como consumir?

Você ainda passa reto pela beterraba, no supermercado e no self-sevice? Tudo isso é medo de engordar? Pois saiba que esse legume pode trazer muitos benefícios a sua saúde …

Alguns estudos científicos já comprovaram que a beterraba é rica em antioxidantes e micronutrientes incluindo potássio, betaína, sódio, magnésio, vitamina C e nitrato inorgânico.

Ao consumir esse alimento, o nitrato inorgânico é convertido em nitrito bioativo em nossa boca e é essa substância que age de forma benéfica em nosso organismo, regulando pressão e circulação sanguínea.

Apesar de nosso organismo ser capaz de produzir esse gás, viu-se que o consumo de alimentos ricos em precursores de nitrato causa vasodilatação arterial, que tem efeito protetor ao coração, diminuindo pressão arterial e otimizando nutrição e oxigenação dos tecidos, podendo melhorar função cognitiva e muscular, levando ao aumento de performance esportiva.

Entretanto, o consumo excessivo, a longo prazo, de nitrato pode apresentar malefícios, portanto é importante consumir uma alimentação variada e sem excessos.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda dose segura de nitrato de 3,7mg por quilo de peso corporal, ou seja, para uma pessoa de 60Kg , a dose seria de 222mg de nitratos por dia. Pensando que em 1Kg de beterraba há um nível médio de 1379mg de nitrato, o seguro seria que essa pessoa introduzisse, aproximadamente 160g de beterraba in natura ou 1,5 colher de sopa de farinha de beterraba diariamente (já que, de acordo com a indústria, há 100g de beterraba in natura em cada colher de sopa de farinha).

Utilize os alimentos de forma inteligente e com parcimônia sempre!!!

Texto: Uyara

Referências bibliográficas: William T. Clements, Sang-Rok Lee, and Richard J. Bloomer. Nitrate Ingestion: A Review of the Health and Physical Performance Effects. Nutrients. 2014 Nov; 6(11): 5224–5264./ Tom Clifford,1 Glyn Howatson,1,2 Daniel J. West,1 and Emma J. Stevenson1. The Potential Benefits of Red Beetroot Supplementation in Health and Disease. Nutrients. 2015 Apr; 7(4): 2801–2822./ Site: www.foodsafety.gov.mo/p/sense/detail.aspx?id=efd55ce0-dffd-4cb9-99ee-217177d9c70e